Instituto MaterOnline

Quem Somos

Somos uma equipe comprometida a levar informação de qualidade para pais, mães e profissionais da saúde sobre os temas relacionados a planejamento familiar, gravidez, parto, puerpério, desenvolvimento infantil e práticas educativas parentais. O MaterOnline nasceu em Janeiro de 2018 com a intenção de levar o conhecimento em Perinatalidade e Parentalidade para o maior número de pessoas, pais, mães e profissionais da saúde.

Profª. Pós-Drª. Rafaela Schiavo (CRP 06/93353), desde a graduação já se preocupava com a saúde mental das gestantes. Realizou dezenas de trabalhos científicos, pensando levar informações para a população e academia. Deu continuidade em seus estudos sobre a Psicologia Perinatal realizando mestrado, doutorado e pós-doutorado, se tornando uma das grandes referencias nessa área em todo o Brasil.

Entretanto, todo o conhecimento científico que era produzido e publicado por Rafaela Schiavo, acabava ficando limitado apenas para os próprios pesquisadores da área.

Foi então que Rafaela Schiavo teve a ideia de criar o MaterOnline, pois por meio da comunicação em redes sociais as informações importantes que pais, mães e profissionais da saúde precisam ter a respeito do assunto chegaria de forma, prática e rápida. Assim esses conhecimentos tão importantes deixariam de ser sabidos somente pelos próprios pesquisadores e chegaria para quem interessa de fato.

Missão

Ajudar a diminuir a frequência de mulheres com problemas de saúde mental no período perinatal, evitando assim nascimentos prematuros , baixo peso e outros riscos ao desenvolvimento infantil.

Visão

Oferecer formação de alta qualidade para profissionais que atuam com o período perinatal

Valores

Oferecer formação de alta qualidade para profissionais que atuam com o período perinatal

Nossos Docentes

Pesquisas
Comprovam

Uma a cada 3 mulheres no período perinatal apresentam alterações emocionais significativas e você, profissional da saúde, pode ajudar a evitar isso.

Mas infelizmente muitos profissionais não têm conhecimento o suficiente sobre como lidar com as emoções envolvidas nas questões da perinatalidade.

Depressão
25%
Ansiedade
35%
Estresse
60%
Gestação não planejada
50%
Desejam atendimento psicológico
90%

Mater Online na Mídia